Mickael Carreira

Miguel Ângelo, musicas, musica portuguesa, Portugal, artista Miguel Angelo, contacto, espectáculos, contactos Miguel Angelo, artistas populares, portuguese music, musique portugaise, cantores, Resistência, Delfins
Miguel Ângelo
26 Dezembro, 2016
némanus, nemanos, espectaculos, espectaculo, contactos, contacto, oficial, kizomba, funana, funaná, kizombas, show, kuduro, Portugal, nemanos
Némanus
23 Dezembro, 2016

Biografia

Mickael Carreira é um cantor que, tendo apostado desde muito cedo na sua formação musical, protagoniza hoje um caso raro do panorama artístico e cultural português, pouco habituado a ver jovens tão obstinados e profissionais no mundo da música. Fazendo das baladas românticas e dos ritmos latinos as imagens de marca da sua sonoridade, Mickael conquistou imediatamente um público que tem vindo a crescer de dia para dia, ao ponto de, logo desde os primeiros momentos da sua carreira, ter esgotado espectáculos de Norte a Sul do País e atingido vendas dignas de artistas de renome. Tudo isto, logo no seu álbum de estreia…

DESEJO QUE NASCEU BEM CEDO
Filho de um músico consagrado, foi com naturalidade que Mickael começou desde muito cedo a sonhar com os palcos, fazendo do seu pai, Tony Carreira, um exemplo a seguir, quer como artista, quer como homem. Na busca constante do seu sonho, Mickael começou bem cedo a aprender piano no conservatório e, ainda antes de fazer 13 anos, já escrevia as suas primeiras músicas, surpreendendo aqueles que acompanhavam a sua meteórica evolução.

NASCE UMA ESTRELA
Mais impressionante ainda se transformou a sua veloz progressão quando, em 2001 e com apenas 15 anos, Mickael subiu ao palco do Olympia, mítica sala de espectáculos parisiense. Aí, na incondicional companhia de Tony, cantou a música FILHO E PAI e, pela primeira vez, sentiu a emoção de cantar perante uma plateia de milhares de pessoas. O entusiasmo foi enorme, a receptividade do público também e, consequentemente, foram desde logo lançadas as bases para aquilo que iria acontecer apenas alguns anos mais tarde: o nascimento de uma estrela sem igual no firmamento musical do nosso País.

MAIS UMA ETAPA INESQUECÍVEL
Apenas um ano mais tarde, em 2002, Mickael repetiu a sua aparição em palco, desta feita no Coliseu de Lisboa e novamente ao lado do seu pai, o que contribuiu para aguçar ainda mais o apetite de quem já lhe preconizava um futuro brilhante. Até que finalmente, em 2006, num concerto de Tony Carreira e perante uma plateia de quase 20 mil espectadores, Mickael assina a sua estreia a solo em pleno Pavilhão Atlântico, cantando um tema do seu álbum que seria lançado apenas dois meses depois. Quem presenciou a actuação do jovem cantor dissipou de imediato todas as dúvidas que pudessem existir: Mickael era mesmo uma estrela em ascensão, prestes a explodir e a mudar definitivamente o cenário da música romântica em Portugal.

FINALMENTE, O PRIMEIRO DISCO!
Tal como previsto, em Julho de 2006 Mickael lança o primeiro álbum no mercado, intitulado simplesmente MICKAEL. Para surpresa geral, o disco dispara nos tops de vendas e atinge rapidamente a tripla platina, algo que, em Portugal, está apenas ao alcance dos projectos de verdadeiro sucesso. Escassos meses mais tarde, em Fevereiro de 2007, sobe pela primeira vez ao palco para um concerto a solo. E que cidade mais adequada para apadrinhar a sua estreia, do que a Cidade Berço de Portugal? Foi precisamente Guimarães que assistiu à estreia daquele que promete ser um dos maiores artistas portugueses das próximas décadas.

(continua…mais abaixo)

Mickael Carreira 2016

Mickael Carreira 2015

Tour 2014

REVELAÇÃO MUSICAL EM 2007

Como que a confirmar tudo aquilo que já se começava a adivinhar perante tão promissora estreia, apenas dois meses depois, em Abril de 2007, Mickael arrecada o Globo de Ouro para Revelação na Música, o que fez com que se transformasse num fenómeno ainda maior, capaz de arrastar multidões à sua passagem. Por isso mesmo, no mês seguinte sobe ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa, protagonizando uma verdadeira enchente. Estava assim alcançado, logo no ano de estreia, um patamar que a maioria dos artistas portugueses nunca chega a atingir ao longo de toda uma carreira.

NOVO ÁLBUM, NOVO SUCESSO
Numa lógica de continuidade sustentada, em Novembro de 2007 lança mais um novo álbum, intitulado ENTRE NÓS e que, mesmo no cenário de crise em que Portugal se encontrava mergulhado, atingiu novamente a inacreditável cifra da platina. Neste trabalho, Mickael demonstrou estar muito mais maduro em termos musicais, abraçando novas sonoridades sem medo de inovar. Os ritmos latinos, bem como as baladas românticas, continuam a ser presença constante nas suas músicas, embora a busca por algo verdadeiramente novo e surpreendente seja um dos apanágios deste jovem cantor.

UMA QUÍMICA ÍMPAR
A provar todo o sucesso que a crítica lhe reconhece e as vendas demonstram sem margem para dúvidas, Mickael ostenta ainda um currículo com mais de 100 espectáculos ao vivo, em apenas um ano e meio na estrada. Este número prova não só a crescente procura de que Mickael tem sido alvo desde o início, mas também a química que tem conseguido criar com o seu público, química essa que tem vindo a crescer de espectáculo para espectáculo e que é bem visível em todos os momentos das suas actuações.

VÍDEOS INESQUECÍVEIS
Outra vertente que Mickael faz questão de explorar de forma pioneira no nosso País, prende-se com a imagem e com a forma extraordinariamente profissional como trabalha os vídeos de promoção dos seus singles. A prová-lo, estão os seis videoclips rodados para apenas dois álbuns, algo verdadeiramente raro em Portugal. Com esta forma inédita de trabalhar, Mickael aproxima-se daquilo que de melhor se faz no estrangeiro, e isso reflecte-se directamente na preferência do seu público, nomeadamente nos mais jovens.

O 3º ÁLBUM
A 20 Maio de 2009, Mickael arrebatou o público com o 3º álbum de originais “Tudo o que eu sonhei” foi o nome do disco que demonstrou um Mickael confiante para experimentar novas sonoridades e beats inovadores. Pela primeira vez convida uma cantora para um dueto, a Asiática Anggun interpreta com Mickael “Call my name”, que não deixou ninguém indiferente.Com este trabalho, Mickael conquista o galardão de platina e um público que continua a aumentar e a acompanhar os concertos.

O CONCERTO “MÁGICO” DE INICIO DE TOURNÉE
O Coliseu dos Recreios (Lisboa) foi o local escolhido para o início da digressão, mas acabou por ser muito mais que isso… intitulado por muitos como mágico, exuberante e extraordinário, não deixou ninguém indiferente com uma produção raramente vista em Portugal. Embora já habituado a deslumbrar o público com produções de contornos pouco comuns em Portugal, este foi sem dúvida a maior produção feita pelo Artista até hoje, apresentando em palco um cenário e efeitos visuais de última geração.

O concerto realizado a 6 de Fevereiro de 2010, começou a ser preparado com vários meses de antecedência, para que nada falhasse e no dia… nada falhou! Um concerto destas dimensões, requereu o total empenho e dedicação de uma vasta equipa, por isso mesmo, o Coliseu dos Recreios recebeu toda a equipa de Mickael Carreira, uma semana antes, para dar início à mega produção. O que se viveu naquele dia, jamais será esquecido… numa sala esgotada, Mickael pisa pela segunda vez o palco do Coliseu de Lisboa e leva ao rubro milhares de fãs, que juntamente com ele, cantam os seus maiores êxitos.

PRIMEIRO CD + DVD AO VIVO
Como que a confirmar tudo aquilo que iria acontecer no dia 6 de Fevereiro, Mickael decide registar aquela noite no que será o primeiro CD e DVD ao vivo, uma prenda magnífica a todos aqueles que estiveram presentes e têm agora oportunidade de recordar este concerto. Para aqueles que ainda hoje lamentam não ter conseguido fazer parte daquele “coro” que em uníssono cantaram com Mickael, poderão agora deixar-se levar pela imaginação e perceberem o porquê de este ter sido apelidado de “mágico”.
Este Artista com uma curta, mas bem sucedida carreira, aposta na originalidade a cada trabalho que faz, assim decidiu incluir neste álbum ao vivo, três temas inéditos gravados e produzidos no México pelo conceituado Armando Ávila, que se junta à equipa de autores de sempre do Artista: Ricardo Landum e, mais recentemente, Paulo Martins.

2011… UM ANO DE SUCESSO
Em Abril, Mickael volta a pisar o palco do Coliseu do Porto, à semelhança de 2008, Mickael decide iniciar a digressão nesta sala e volta a viver momentos inesquecíveis, numa sala com a lotação esgotada e um público vibrante e entusiástico. O arranque de tournée não poderia ter sido melhor e este foi só o princípio de uma intensa tournée que revelou muitas surpresas e euforia.

Mickael Carreira começa a preparar o seu novo disco de originais, com data de lançamento prevista para 2012, um trabalho que ainda está no segredo dos deuses, embora numa entrevista à Billboard, Julio Reyes Copello, tenha levantado a “ponta do véu”, ao referenciar o nome de Mickael, entre outros Artistas com quem ele trabalha, tais como Nelly Furtado, Diego Torres e Marc Anthony.

2012

Este seu novo álbum, promete vir a dar que falar, não estivesse ele a ser produzido por alguns dos gigantes da música mundial, Rudy Perez e Julio Reyes Copello, que tem no seu curriculum como produtores musicais, nomes como Nelly Furtado, Jennifer Lopez, Beyoncé, Christina Aguilera, Ricky Martin, Chayanne, Alexandre Pires, Ronan Keating, Marc Anthony, Reamonn, entre outros.

Mickael Carreira, tem assim o privilégio de juntar o seu nome aos grandes nomes da música mundial, e a dois dos maiores produtores da indústria musical do mundo.

Está a ser preparada uma grande campanha de promoção, e de certeza que ninguém vai perder o grande lançamento no próximo mês de Março.
Mickael é já uma certeza. E promete não parar por aqui…

Cantor Mickael Carreira – Contactos do Artista para Espectáculos / Concertos Mickael Carreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *