Grupo, Tais Quais, Os Tais Quais, João Gil, Sebastião Santos, Celina da Piedade, Tim, Paulo Ribeiro, Vitorino, Serafim e Jorge Palma, tradicional, Portugal
Tais Quais
22 Abril, 2017
Ana, cantora Ana, artista Ana, contactos da Ana, contactos da artista Ana, arraiais, espectáculos, espetáculos, cantores, contactos, musicas portuguesas, artista, contactos de artistas, contactos de bandas, contactos de grupos musicais
Ana
2 Abril, 2017

(…), nasceu em Lisboa em 1987 e cedo despontou uma vontade de cantar que crescia no seio de familiares e amigos. Foi um simples desafio, da sua avó “Zélia”, de cantar em conjunto com ela um fado, que tudo começou. Estava dado o primeiro passo.
Participa em 1994 na Grande Noite do Fado, chegando à grande final no Coliseu dos Recreios. Com uma vontade determinante e um sonho para realizar, Leandro vence as adversidades e conquista objectivos, na pressecução de um destino: o de ser cantor.
Com o aparecimento do programa “Idolos”, batia à porta a oportunidade há muito procurada e inscreve-se nos castings do programa (Setembro de 2004).
Leandro, revelou-se um dos concorrentes que logo despertou a atenção dos exigentes júris do programa, tornando-se num dos 24 finalistas, num concurso onde participaram mais de 10.000 candidatos de todo o país.
A sua sorte estava lançada e desde essa altura não mais baixou os braços e continuou a lutar pelo sonho que cada vez mais crescia dentro dele, o de gravar um trabalho discográfico.
É com a participação num programa de televisão, por ocasião de uma sentida homenagem à sua avó e mãe, ambas já falecidas, que este talento chama a atenção de um produtor discográfico que lhe abre a porta para a concretização do seu maior desejo – o seu 1º álbum.
Não desistindo e procurando sempre melhorar e demonstrar as suas capacidades vocais, Leandro levanta ainda mais alto a fasquia e em 2007 edita o seu 1º álbum pela editora Espacial “Leandro”, tornamdo-o na voz revelação e uma das novas apostas da música romântica portuguesa.
Com uma voz cristalina e uma interpretação irresistível, Leandro apresenta-se ao público que conquista de imediato pela sua humildade, simplicadade e sinceridade, proporcionando momentos únicos de puro romantismo e sentimento, a quem se predispõem a ouvir os poemas por ele cantados.
Alcançando todos os objectivos a que se propos, apresenta um álbum repleto de êxitos que teve por base a Tour 2008 iniciada no dia 5 de Abril com um concerto memorável na Aula Magna de Lisboa. Percorre o país de norte a sul, em acções promocionais e apresentações ao vivo, terminando com uma passagem obrigatória pela Europa.
Foram muitos os concertos realizados em países como: Suiça, Luxemburgo e França, que permitiram a Leandro partilhar o seu trabalho com as comunidades lusas sedeadas nesses países.
Um carreira em ascensão premiada, pela crítica como uma das vozes revelação do ano de 2007 e com a aprovação do público, demonstrada através das vendas efectivas que se converteram, em apenas poucos dias depois do álbum se encontrar no mercado, em disco de platina.
O novo cd – “Tudo por amor”, é composto por uma orquestração cuidada ao pormenor para a qual foi determinante a gravação ao vivo dos músicos. Leandro afirma e confirma a sua posição nos top’s de vendas e play list das rádios de norte a sul do país, com mais um cd aplaudido, não só pela sua qualidade como também pela forma profissional e apaixonada como este cantor se empenhou na sua carreira.
“Também eu” é o nome do álbum editado em 2009, que vem afirmar o talento deste cantor e confirma uma introdução que um dia lhe foi feita, “… A música portuguesa ganhou um novo cantor romântico!”.
Este cd é a continuação de um caminho traçado, na construção de um sonho agora tornado realidade.
Um jovem talento que iniciou a sua carreira há apenas cinco anos atrás. Para trás ficam os prémios como jovem revelação e como intérprete romântico, atribuídos quer pelo público, quer por várias estações de rádio que, tal como os seus fans, têm ficado rendidos à voz e simplicidade deste cantor.
“ Também eu “ mantém a mesma linha dos anteriores álbuns, um disco romântico, constituído por intensas baladas apaixonadas que tocam mesmo o coração mais empedernido.
Com uma permanente evolução, Leandro surge neste trabalho com uma interpretação segura e consistente que realça as suas capacidades vocais, uma evolução patente no seu envolvimento criativo, mais participativo na produção deste cd. “Também eu” – um álbum que é presença constante nos top’s de vendas (#4 a 1 de Fevereiro de 2010, disco de platina).
Para começar da melhor forma a digressão nacional de 2010, Leandro fez duas apresentações ao vivo em dois grandes concertos nas salas mais emblemáticas do país, o Coliseu do Porto a 6 de Março e no Coliseu dos Recreios, a 13 de Março.
“Leandro – Ao vivo no Coliseu de Lisboa” é o registo em áudio e em vídeo, (cd+dvd) de um concerto que ficará para sempre marcado como mais um degrau na curta, mas segura e intensa, carreira de um jovem que com o seu talento conquistou quer o público, quer a crítica, cada vez mais exigente, deixando tudo e todos deslumbrados com uma performance que poucas vezes o público teve oportunidade de assistir num concerto ao vivo.
No Dvd para além da gravação do concerto, transporta-nos numa pequena viagem aos bastidores deste dia especial, conhecendo o que normalmente não é mostrado ao público. Este trabalho é editado também em formato de livro, onde ficamos a conhecer um pouco da história de Leandro, que é muito mais que um desejo de criança, que fascinada pela música agarrou as oportunidades que lhe foram surgindo.
Leandro – Uma vida com história, é o nome da biografia incluída no livro, 36 páginas em que frase a frase conhecemos a infância, desejos, desgostos de uma adolescência nem sempre fácil, as ansiedades de uma criança que mais tarde se tornou num dos maiores interpretes românticos no nosso país.
Em 2011, Leandro edita o seu mais recente álbum de originais intitulado “Desesperado”, resultado de uma conjugação de esforços do próprio Leandro e do seu produtor e também autor Ricardo Landum, que mais uma vez se associa na criação de um álbum que foi trabalhado e construído ao longo da tournée de 2010/2011.
Como grande novidade neste cd, para além dos temas originais que o compõem, temos ainda a particularidade de o próprio Leandro assinar algumas das composições, revelando-se como um contador de histórias, sejam inspiradas em casos reais, próximos ou não, ou em pura ficção, mostrando de forma explícita e determinante o talento deste jovem.
Hoje Leandro é presença habitual dos lugares cimeiros nos top’s de vendas nacionais e uma das vozes mais tocada nas airplay’s das rádios nacionais, tornamdo-se evidentes as características que levaram Leandro a um lugar de destaque na música portuguesa.

LEANDRO | Biografia

Leandro, nasceu em Lisboa em 1987 e cedo despontou uma vontade de cantar que crescia no seio de familiares e amigos. Foi um simples desafio, da sua avó “Zélia”, de cantar em conjunto com ela um fado, que tudo começou. Estava dado o primeiro passo. Participa em 1994 na Grande Noite do Fado, chegando à grande final no Coliseu dos Recreios. Com uma vontade determinante e um sonho para realizar, Leandro vence as adversidades e conquista objetivos, na persecução de um destino: o de ser cantor. Com o aparecimento do programa “Ídolos”, batia à porta a oportunidade há muito procurada e inscrevese nos castings do programa (Setembro de 2004). Leandro, revelou-se um dos concorrentes que logo despertou a atenção dos exigentes júris do programa, tornando-se num dos 24 finalistas, num concurso onde participaram mais de 10.000 candidatos de todo o país. A sua sorte estava lançada e desde essa altura não mais baixou os braços e continuou a lutar pelo sonho que cada vez mais crescia dentro dele, o de gravar um trabalho discográfico. É com a participação num programa de televisão, por ocasião de uma sentida homenagem à sua avó e mãe, ambas já falecidas, que este talento chama a atenção de um produtor discográfico que lhe abre a porta para a concretização do seu maior desejo – o seu 1º álbum. Não desistindo e procurando sempre melhorar e demonstrar as suas capacidades vocais, Leandro levanta ainda mais alto a fasquia e em 2007 edita o seu 1º álbum pela editora Espacial “Leandro”, tornando-o na voz revelação e uma das novas apostas da música romântica portuguesa. Com uma voz cristalina e uma interpretação irresistível, Leandro apresenta-se ao público que conquista de imediato pela sua humildade, simplicidade e sinceridade, proporcionando momentos únicos de puro romantismo e sentimento, a quem se predispõem a ouvir os poemas por ele cantados. Com o sucesso obtido neste cd, Leandro regressa aos estúdios de gravação em 2008, Alcançando todos os objetivos a que se propôs, apresenta um álbum repleto de êxitos que teve por base a Tour 2008 iniciada no dia 5 de Abril com um concerto memorável na Aula Magna de Lisboa. Percorre o país de norte a sul, em ações promocionais e apresentações ao vivo, terminando com uma passagem obrigatória pela Europa. Foram muitos os concertos realizados em países como: Suíça, Luxemburgo e França, que permitiram a Leandro partilhar o seu trabalho com as comunidades lusas sedeadas nesses países. Uma carreira em ascensão premiada, pela crítica como uma das vozes revelação do ano de 2007 e com a aprovação do público, demonstrada através das vendas efetivas que se converteram, em apenas poucos dias depois do álbum se encontrar no mercado, em disco de platina. O novo cd – “Tudo por amor”, é composto por uma orquestração cuidada ao pormenor para a qual foi determinante a gravação ao vivo dos músicos. Leandro afirma e confirma a sua posição nos top’s de vendas e play list das rádios de norte a sul do país, com mais um cd aplaudido, não só pela sua qualidade como também pela forma profissional e apaixonada como este cantor se empenhou na sua carreira. “Também eu” é o nome do álbum editado em 2009, que vem afirmar o talento deste cantor e confirma uma introdução que um dia lhe foi feita, “… A música portuguesa ganhou um novo cantor romântico!”. Este cd é a continuação de um caminho traçado, na construção de um sonho agora tornado realidade. Um jovem talento que iniciou a sua carreira há apenas cinco anos atrás. Para trás ficam os prémios como jovem revelação e como intérprete romântico, atribuídos quer pelo público, quer por várias estações de rádio que, tal como os seus fans, têm ficado rendidos à voz e simplicidade deste cantor. “Também eu “ mantém a mesma linha dos anteriores álbuns, um disco romântico, constituído por intensas baladas apaixonadas que tocam mesmo o coração mais empedernido. Com uma permanente evolução, Leandro surge neste trabalho com uma interpretação segura e consistente que realça as suas capacidades vocais, uma evolução patente no seu envolvimento criativo, mais participativo na produção deste cd. “Também eu” – um álbum que é presença constante nos top’s de vendas (#4 a 1 de Fevereiro de 2010, disco de platina).
Para começar da melhor forma a digressão nacional de 2010, Leandro fez duas apresentações ao vivo em dois grandes concertos nas salas mais emblemáticas do país, o Coliseu do Porto a 6 de Março e no Coliseu dos Recreios, a 13 de Março. “Leandro – Ao vivo no Coliseu de Lisboa” é o registo em áudio e em vídeo, (cd+dvd) de um concerto que ficará para sempre marcado como mais um degrau na curta, mas segura e intensa, carreira de um jovem que com o seu talento conquistou quer o público, quer a crítica, cada vez mais exigente, deixando tudo e todos deslumbrados com uma performance que poucas vezes o público teve oportunidade de assistir num concerto ao vivo. No Dvd para além da gravação do concerto, transporta-nos numa pequena viagem aos bastidores deste dia especial, conhecendo o que normalmente não é mostrado ao público. Este trabalho é editado também em formato de livro, onde ficamos a conhecer um pouco da história de Leandro, que é muito mais que um desejo de criança, que fascinada pela música agarrou as oportunidades que lhe foram surgindo. Inspiradas em casos reais, próximos ou não, ou em pura ficção, mostrando de forma explícita e determinante o talento deste jovem. Em novembro, Leandro encerra a sua tour num concerto que pela primeira vez decorre numa sala que até então lhe era desconhecida. O palco montado no Pavilhão Atlântico de Lisboa (Sala Tejo) foi pequeno para acolher todos aqueles que à hora marcada vibravam entusiasticamente com a abertura de uma porta virtual num gigantesco painel de “Led’s” acompanhando a contagem decrescente até aos primeiros acordes do tema “Eu não estava à espera”. Assim se dava início a um concerto que mais do que o encerramento da Tour de 2011, foi também o palco privilegiado da apresentação do novo álbum intitulado – “Desesperado”. Com a edição deste novo trabalho assistimos a uma evolução numa carreira em ascensão que tem sido construída solidamente com a perseverança, força e determinação de um intérprete que seduz e conquista com a sua voz e personalidade cativante. “Desesperado” é o resultado de uma conjugação de esforços do próprio Leandro e do seu produtor e também autor Ricardo Landum, que mais uma vez se associa na criação de um álbum que foi trabalhado e construído ao longo da tournée de 2010/2011. A grande novidade neste cd, para além dos temas originais que o compõem e que mantêm a mesma linha condutora identificativa do estilo marcado deste intérprete, é a particularidade de o próprio Leandro assinar algumas das composições completando este cd e enriquecendo-o demonstrando a versatilidade rítmica de Leandro. Com o novo ano (2012) é em fevereiro que Leandro regressa à cidade do Porto, para ai realizar o arranque da sua digressão deste ano. O dia 25 de Fevereiro é a primeira data de uma digressão que se inicia no coliseu do Porto e que o levará a percorrer um pouco por todo o país e ilhas, indo igualmente levar as suas músicas um pouco por toda a Europa e continente americano. Em 2013, Leandro é considerado a voz romântica eleito pelo público, a confirmação de um talento musical que obtém o aplauso da crítica e o apoio incondicional de um público fervoroso e efusivo. “Para sempre” é o 7º trabalho da sua discografia, uma declaração de amor, de intenções e uma afirmação de quem para a música nasceu e com a música vive, partilhando com todos os que o apoiam a sua paixão, as palavras, os sentimentos e as emoções num álbum verdadeiramente imperdível. Leandro é um contador de histórias, baseadas no mundo real em pessoas que lhe são próximas ou de situações pessoais. Com a sua voz torna as canções que canta, em melodias inspiradas e inspiradoras que permanecerão como referências musicais em situações que a todos tocam. “Para sempre” é um novo cd composto por 13 canções originais em que a musicalidade acústica, produzida pelos instrumentos gravados ao vivo em estúdio, reforçam uma mensagem de romantismo e esperança, de entre as quais podemos referir: “Mas quem será “ o single de estreia deste novo cd, que nos retrata a história de um inocente e apaixonante amor de infância, que após a separação não mais é esquecido e ao longo dos anos é recordado até ao momento do reencontro. “Mas quem será” é ilustrado, com o 1º videoclip a ser produzido para este trabalho. Rodado em vários locais da cidade de Lisboa e que contou com a participação da atriz Marta Andrino. De igual forma destacamos ainda o tema “Serás sempre meu irmão” uma história real, numa sentida e profunda homenagem familiar de Leandro aos seus irmãos, em que com determinação, persistência e perseverança prova que tudo se consegue alcançar.

(continuação)

LEANDRO | Biografia

Entre outros temas, podemos ainda escutar canções como: “Não tenhas pena de mim“, “Tudo me fala de ti” e “Escolhi viver sozinho” . O arranque da Tour Para Sempre teve lugar no Coliseu do Porto no dia 11 de Maio e em Lisboa no Coliseu dos Recreios a 25 de Maio. Mas foi a data de 4 de Outubro de 2014 que ficará marcada na carreira de Leandro, mais uma etapa vencida com a concretização de um objetivo há muito desejado. O concerto no Meo Arena de Lisboa data que coincide com a apresentação em primeira mão do seu novo álbum ‘Sou um homem feliz’. “Sou um homem feliz”, é em jeito de agradecimento para quem desde o primeiro momento e desde o primeiro acorde esteve incondicionalmente do seu lado, é aos fãs que Leandro agradece todo este percurso numa curta mas intensa e preenchida carreira. Este é um novo cd em que a voz romântica de Leandro, continua a surpreender o público. Canções interpretadas que nos contam histórias passadas na primeira pessoa ou de um círculo próximo a Leandro que agora partilha com todos. Um virar de página num percurso nem sempre fácil mas sempre apoiado numa vasta legião de fãs e apoiantes de uma das vozes românticas mais aplaudidas no nosso país. Momentos que não se esquecem, uma sala esgotada, um concerto emotivo que supera as expectativas mesmo dos mais otimistas. Passavam poucos minutos da hora marcada quando as luzes ambiente da maior sala de concertos do país se apagaram para dar lugar a uma ensurdecedora onda de gritos por “Leandro”. Nos painéis centrais de um conjunto cenográfico que mesmo poucos artistas internacionais conseguem apresentar em Portugal, passam os nomes de alguns dos temas icónicos de Leandro: “Também eu”, “Mas quem será”, “Quem sabe”, “Que mal te fiz eu”, “Caso sério”, “Tens que dizer-lhe esta noite” culminando com o nome de “Sou um Homem feliz”. Estava dado o início a um concerto que não mais deu descanso a uma plateia em euforia que não se cansou de acompanhar cantando as letras das músicas que ao longo da noite foram desfilando no palco do MEO Arena, as canções de sempre “Um anjo caído”, “Sozinho por ai”, “De Homem para homem” apenas para citar alguns dos êxitos que marcaram presença e as músicas que foram ouvidas pela primeira vez incluídas no álbum “Sou um Homem feliz” como foi o caso de: “Tu quiseste assim”, “Balada para o meu filho” ou “Eu mudei”. Com uma alegria indisfarçável e uma apetência interpretativa em palco que surpreende, Leandro sempre muito comunicativo, foi criando à sua volta uma aura de energia que a todos contagiou partilhando momentos mais íntimos com o público como foi o caso de um dos momentos mais altos da noite em que Simão, o seu filho, entra pelo palco em busca do “colo” do pai. No “encore” estava reservado outro dos momentos mais emotivos desta apresentação com o tema “Volta pra mim mamã”. Já na reta final estavam reservadas mais duas canções “Que mal te fiz eu” e “Sou um Homem feliz” que sem qualquer dúvida é o resumo de uma noite marcada pela celebração da música portuguesa na voz de Leandro. Em 2015 o arranque da digressão “Sou um Homem Feliz” ocorreu mais uma vez no palco do Coliseu do Porto e a data não poderia ter sido mais representativa, 8 de Março, o dia da Mulher. Foi com uma sala esgotada e ao rubro que arrancou uma série de concertos que levam este novo álbum aos palcos de todo o país, dando a conhecer o porque de Leandro afirmar “Sou um Homem Feliz”. Paralelamente Leandro, abraça um novo desafio, participando no programa de televisão da TVI, “Dança com as Estrelas” onde apesar de afirmar ter “Pé de chumbo” surpreende pela positiva o público demonstrando que o cantor romântico que todos aplaudem sabe, efetivamente, também dançar. Leandro tem nove anos de carreira, nove álbuns editados, 6 platinas e tem vendas superiores a 300 mil exemplares. A sua música já passou nas grandes salas do país, Meo Arena, Aula Magna, Coliseus Lisboa e Porto e no estrangeiro. “… A música portuguesa ganhou um novo cantor romântico!”

Início da carreira artística em 2006

9 discos editados
(6 Platinas)

o 2006 “Meu coração está de luto”
o 2007 “Leandro”
o 2008 “Tudo por amor”
o 2009 “Também eu”
o 2010 “Leandro ao vivo no Coliseu de Lisboa”
 Edição especial cd/dvd com biografia “Leandro, uma vida com história”
o 2011 –“Desesperado”
o 2013 – “Para sempre”
o 2013 – “Tour Para sempre” (CD +DVD)
o 2014 – “Sou um Homem Feliz”

Entrada dos 6 discos no Top Nacional de vendas da Associação Fonográfica Portuguesa (AFP),
registando vendas superiores a 100 mil exemplares

Consulta para espectáculos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *