Ana Bacalhau, Artista, Cantora, Deolinda, Vocalista dos Deolinda, Ana Bacalhau, Contactos, Musicas, Contactos Ana Bacalhau, Concertos
Ana Bacalhau
1 Janeiro, 2018
Grupo concertinas, Filhos da Nação, Concertinas, Desgarradas, Miúdos, Grupo Filhos da Nação, Contactos, Grupos, Musica Popular, concertinas, desgarradas
Filhos da Nação
27 Dezembro, 2017

HMB

Os HMB são Héber Marques na voz, Joel Silva na bateria, Daniel Lima nos teclados, Fred Martinho na guitarra e Joel Xavier no baixo.

Já eram amigos e tocavam juntos noutros projetos, quando em 2007 decidiram formar os HMB. Héber Marques encontra nesta formação musical o equilíbrio perfeito para desenvolver o gosto pela Soul e R&B que ganhou pela afinidade com as suas origens Gospel.

Os grandes nomes dos anos 60 e 70, como Al Green e Bill Withers e os mais recentes D’Angelo e ErykahBadu são algumas das referências que inspiram a sonoridade da banda.

Os HMB são MTV Linked pela Música e quiseram partilhar esta mensagem com os fãs da MTV:

‘É para nós um motivo de grande orgulho poder estabelecer esta parceria com a MTV. Ver a nossa música reconhecida pela marca mais incontornável do mundo da música é realmente um sonho tornado realidade. Ao mesmo tempo que nos sentimos orgulhosos por este grande acontecimento, sentimo-nos também motivados a continuar a trabalhar árdua e humildemente para crescermos e fazermos cada vez mais e melhor música. Obrigado MTV!

A REVER

2011, HMB – Dia D (Videoclip Oficial)

2016, HMB ft. Carminho – O Amor é Assim

2013, HMB – Não Me Deixes Partir (Videoclip Oficial)

HMB, Contactos

Noticia 2012

HMB, os novos valores da soul cantada em português

IOL Música esteve à conversa com a banda que esta quinta-feira apresenta o seu disco de estreia com um concerto no Paradise Garage, em Lisboa

banda-hmb-banda-portugal-3

 

Chamam-se HMB e são um dos novos valores da soul e do R&B cantados em português. O projeto começou em 2007 e tem agora um disco de estreia inspirado em nomes incontornáveis da música norte-americana e portuguesa.

«A Erykah Badu, o D’Angelo, o pessoal do hip hop como o Common ou os The Roots, são bandas que realmente nos influenciaram e continuam a influenciar. Em Portugal, o estilo de música que fazemos começa agora a ganhar alguma atração e temos nós a agradecer por isso pelo trabalho que tem sido desenvolvido por pessoas como os Expensive Soul», contou Joel Silva em entrevista ao IOL Música.

«A Sara Tavares, numa vertente um bocadinho mais afro, é uma pessoa que também nos marcou bastante», acrescentou o baterista dos HMB.

O nome do grupo acabou por surgir de forma natural, dando destaque principal ao vocalista através da sigla de três letras.

«Nós íamos ter um concerto num bar e não tínhamos nome. Já tínhamos a música, só que não tínhamos um nome. Então ficou HMB de Héber Marques Band. Só que não é um nome de que nos orgulhemos muito», explicou Héber, com modéstia e recusando o protagonismo no grupo.

Mas, entretanto, o nome acabou por «pegar» e a banda aproveita agora para brincar com as siglas. «O nome agora anda sujeito a várias reinterpretações: há quem diga que são Homens Musicalmente Benditos, Homens Muito Bonitos ou Há Mais Bifanas», disse o guitarrista Fred Martinho.

«HMB é uma sigla que resulta. GNR resultou, UHF resultou, e esperamos estar na tradição de longevidade dessas bandas», completou.

«Dia D» tem sido o principal cartão de visita do álbum homónimo dos HMB. Numa altura em que se vendem cada vez menos discos, a prioridade da banda é dar a conhecer a sua música seja de que forma for.

«Hoje em dia, quem faz música faz mesmo porque gosta. Não está a pensar na área comercial. [Mas] claro que gostamos que o CD seja vendido, até porque ninguém vive do ar e já gastámos muito das nossas economias [nas gravações]», afirmou Héber Marques.

O baixista Joel Xavier disse que obviamente não se importaria nada de vender «milhões de discos», mas que o objetivo principal é chegar às «pessoas que gostam de soul e de música cantada em português».

«Nós queremos, em primeiro lugar, fazer a nossa música e ter liberdade para nos expressarmos, coisa que estamos a começar a ter cada vez mais e isso já é muito bom.»

O concerto oficial de apresentação do disco acontece esta quinta-feira no Paradise Garage, em Lisboa, e os HMB prometem uma noite de muita festa e boa disposição.

(in tvi24 )

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *