Bandas, ATOA, Banda Átoa, Evora, bandas portuguesas, Átoa, Musicas, Bandas, Hip-Hop, Bandas, Jovens, Portuguese, Pop Music, Contactos dos ATOA, Musicas ÁTOA
Átoa
17 Dezembro, 2017
Tony Carreira, musica, portuguesa, música Tony Carreira, Portugal, artista Tony Carreira, espectáculo Tony Carreira, musica popular, artistas populares, portugaise, music, portuguese, cantores, Toni Carreira
Tony Carreira
15 Dezembro, 2017

D.A.M.A (sigla para a expressão Deixa-me Aclarar-te a Mente Amigo estilizada como D.Δ.M.A ou DAMA) é uma banda portuguesa de pop/rap, oriunda de Lisboa, formada oficialmente em 2006. A banda actualmente é constituída por Francisco Maria Pereira (Kasha), Miguel Coimbra e Miguel Cristovinho.

 

As relações humanas e os sentimentos que estas despertam são o foco das letras do trio de cantores e compositores composto por Miguel Coimbra, Francisco M. Pereira (Kasha) e Miguel Cristovinho.

A sonoridade pop dos D.A.M.A é uma fusão de estilos que sintetiza o espírito dos seus três elementos que se resume num disco descontraído, eclético mas harmonioso, com uma mensagem positiva e sempre atual, onde a POP e as canções são a essência.

Os D.A.M.A lançaram o seu disco de estreia “Por uma questão de principio” a 29 de Setembro de 2014, pela Editora Sony Music.

(in GLAM)

Álbuns DAMA

Uma Questão de Princípio (Sony Music, 2014)
Dá-me Um Segundo (Sony Music, 2015)
Lado a Lado (Sony Music, 2017)

Singles DAMA

2014: Balada do Desajeitado, Luísa
2015: O Maior, Não Dá, Não Faço Questão (com Gabriel o Pensador)
2016: Agora é Tarde, Joni (Lagostim) [Radio Edit], Tempo pra Quê (com Player), Ás Vezes, Era Eu
2017: Miudos, Sussuro (Mia Rose feat. D.A.M.A), Não Dá, Pensa Bem (com ProfJam), Não Comeces, Oquelávai

os DAMA

Francisco Maria Pereira, Miguel Coimbra e Miguel Cristovinho, são um grupo que se destaca por sonoridades diferentes e pela empatia com o público nos seus concertos.
Regressam agora em força com uma maior aposta na produção, resultando numa evolução significativa.
Com inúmeros concertos em casas muito conhecidas da noite Lisboeta, um considerável feedback nos seus vídeos no programa YouTube e neste momento já se fazem ouvir nas rádios Comercial, Cidade FM, Sudoeste TMN, entre outras.
Estejam por isso atentos à agenda de concertos e venham vocês próprios confirmar que os D.A.M.A. são um grupo que deu, está e vai dar que falar!
(in FACEBOOK Oficial)

Os D.A.M.A. são uma jovem banda de Lisboa que tem vindo a trazer uma nova sonoridade ao Pop/Rap nacional.
As letras, cheias de mensagem e batidas dançáveis fizeram-nos percorrer o país do Norte a Sul em inúmeros concertos que tiveram lotação esgotada por parte da sua já considerável legião de fãs.
Os D.A.M.A são o Francisco Pereira (Kasha) vocalista e song writter, Miguel Coimbra (vocalista e produtor) e Francesco Meoli ( pianista e produtor), a sua sonoridade ecléctica e cheia de ritmo e as suas letras de grande significado para o público em geral são o tónico ideal para continuarem nas rádios, discotecas e festivais de todo o país.
(in FESTIVAL SUDOESTE MEO 2013)

Veja ainda mais videos no Portal da Musica ao vivo

Biografia DAMA

Formação da banda (2008 – 2014)
Francisco Maria Pereira e Miguel Coimbra conhecem-se desde os seus seis anos, tendo sido colegas no colégio. Na aula de português começaram a escrever as suas composições em verso, resultando numa saudável competição entre os dois. Em 2008 tiveram a ideia de juntarem as suas rimas a um instrumental, nascendo, assim, D.A.M.A, inicialmente composta pelos dois e pela amiga Filipa (Pipa).

O primeiro concerto da banda foi no Colégio de São João de Brito, em Lisboa. Seguiram-se várias atuações em discotecas da capital e do Estoril. Em 2011, a versão da música Popless dos GNR, tocou pela primeira vez na rádio.

Em 2011 convidaram o amigo Miguel Cristovinho para compor um tema conjunto, Quer. Cristovinho acabaria por integrar o coletivo mais tarde nesse ano aproximadamente na mesma altura da saída de Pipa.

Francisco Maria Pereira estudou direito, Miguel Coimbra e Miguel Cristovinho estudaram Gestão. Com o sucesso da banda largaram tudo para se dedicarem a 100% ao projeto. Cristovinho dedica-se mais à melodia enquanto Kasha à composição das letras e Coimbra à produção.

Em 2013 apresentaram-se ao vivo em dois dos seus primeiros grandes concertos. O primeiro no palco secundário do MEO Sudoeste (Zambujeira do Mar), concerto em que eles próprios se propuseram. O segundo aconteceu nas Festas do Mar em Cascais bem perto de casa.

Uma Questão de Princípio (2014 – 2015)
Em Março de 2014 tornaram-se uma aposta do canal MTV tornando-se artista MTV Linked pelo Talento. A 13 de Julho de 2014 fazem a primeira parte do concerto dos One Direction no Estádio do Dragão, no Porto, onde atuaram para 65 mil pessoas.
Assinam com a editora Sony Music em 2014. O primeiro álbum, Uma Questão de Princípio, foi lançado em 29 de Setembro de 2014. O disco conta com as participações de Salvador Seixas em Balada do Desajeitado (versão de um tema dos Quadrilha), Mia Rose em The Secrets in Silence e da cantora brasileira Gabi Luthai em Só Quero Você, temas que ajudaram a dar um equilíbrio na sonoridade no álbum.

Os D.A.M.A na gala dos Globos de Ouro 2015 com o manager Joaquim Fonseca.
O álbum estreou no terceiro lugar do top de vendas nacional e conquistou o primeiro lugar durante 19 semanas. Tendo estado 54 semanas no top 10 nacional, foi certificado como platina pela AFP tendo vendido até à data mais de 30 mil cópias. 93 semanas após o lançamento do álbum, este esteve sempre nos 50 álbuns mais vendidos nacionalmente.

Em Março de 2015 o tema inédito O Maior recebeu o prémio Muito Mais Que Uma Música na conferência O que de Verdade Importa, realizada no Campo Pequeno em Lisboa.

A 6 de maio de 2015 participaram no programa Manhãs da Comercial da Rádio Comercial, onde assinalaram o Dia Internacional da Língua Portuguesa e cantaram uma paródia da música Às Vezes – Escuto e Observo Erros de Português com Vasco Palmeirim.

O tema Às Vezes foi nomeado como Melhor Música nos Globos de Ouro da SIC.[16] Também foram nomeados nas categorias de Melhor Grupo e Revelação do Ano (única categoria votada pelo público), apesar de não terem vencido em nenhuma das categorias.

Em Junho de 2015 recebem o Prémio José da Ponte atribuído pela Sociedade Portuguesa de Autores com o objectivo de distinguir “novos autores musicais que se tenham afirmado recentemente”.

O álbum de estreia foi reeditado em 2 de Junho de 2015 com as faixas Quer e O Maior.[19] Após um ano de vendas, o álbum esteve sempre no top nacional e foi um dos discos mais vendidos nesse período. Após 48 semanas consecutivas no top 10 nacional, o álbum passou para o 18.º lugar.

Em Setembro de 2015 foram nomeados na categoria de Best Portuguese Act nos MTV Europe Music Awards. A banda perdeu para Agir que representou Portugal na premiação.

O álbum está em 8º lugar dos álbuns mais vendidos de sempre a nível nacional.

Dá-me Um Segundo (2015 – 2016)
A 16 de Junho de 2015 foi lançado o single Não Dá. A 22 de Setembro de 2015 foi lançado o single Não Faço Questão com a participação do brasileiro Gabriel o Pensador. A música chegou ao número 1 no iTunes em Portugal.

O álbum, intitulado Dá-me Um Segundo, foi lançado a 23 de Outubro. O álbum estreou no primeiro lugar do top de vendas nacional. Na segunda e terceira semanas de vendas manteve-se como o mais vendido. Nas restantes semanas manteve-se no top 10, até à 21.ª semana saindo para o 12.º álbum mais vendido. No total das 55 primeiras semanas de vendas passou 40 delas no top 10.

A 13 e 14 de Novembro de 2015 atuaram na Campo Pequeno em Lisboa. Os concertos especiais contaram com participações de Mia Rose, Salvador Seixas, João Pequeno, Player, João Só e Abraham Mateo.

Com mais de 180 mil seguidores no Facebook, a banda soma 32 milhões de visualizações acumuladas no YouTube, tem os vídeos portugueses mais visualizados no YouTube em 2015.

A 23 de Novembro de 2015 apresentaram pela primeira vez uma nova música intitulada Miúdos, versão para a música Garotos II – O Outro Lado do brasileiro Leoni, em direto na Rádio Mega Hits.

Em 2015 foram a banda portuguesa mais ouvida no Spotify em Portugal, estando em 6.º lugar dos artistas mais ouvidos a nível nacional e o álbum Uma Questão de Princípio o mais ouvido. Também foram a banda mais ouvida a no serviço MEO Music no ano de 2015.

A paródia da música Às Vezes, cantada com Vasco Palmeirim nos estudos da Rádio Comercial foi o 6.º vídeo mais visto pelos portugueses em 2015.

A 2 de Janeiro de 2016 aturam na cidade natal, Lisboa, num concerto no Terreiro do Paço.

Em Janeiro de 2016, após 4 meses de vendas o álbum foi certificado como platina pela AFP por vendas superiores a 15 000 unidades.

A 28 de maio de 2016 atuaram num dos maiores festivais portugueses, no Rock in Rio, com a participação de Gabriel o Pensador como convidado especial.

A 2 de março de 2016 venceram nas categorias de Banda do Ano e Melhor Álbum do Ano com Dá-me Um Segundo na gala portuguesa Trend Music Awards. Ainda tinham sido nomeados para Colaboração do Ano com Eu não Faço Questão (com Gabriel O Pensador), Melhor Performance e Música do Ano com Não Dá.
A 12 de Março de 2016 venceram na categoria de Músico Português Favorito na gala de prémios internacional Kids’ Choice Awards do canal Nickelodeon contra Agir, Carlão e Filipe Gonçalves.

A 11 de Abril lançaram uma música chamada Joni (Lagostim) por parte de uma campanha de prevenção solar da Liga Portuguesa Contra o Cancro.

Em 2016 o tema Não Faço Questão (com Gabriel o Pensador) foi nomeado como Melhor Música nos Globos de Ouro da SIC. Também foram nomeados na categoria Melhor Grupo com o álbum Dá-me Um Segundo, tendo vencido a última.

Em Abril de 2016, participaram numa música comemorativa dos 20 anos do Canal Panda, juntamente com Mia Rose, D8, Carolina Deslandes, Ruben Madeira, Miguel Gameiro, Diogo Piçarra, Sara Mestre, Cláudia Semedo, Maria Vasconcelos, Isabel Figueira, Sara Esteves Cardoso e os ÁTOA.

A 13 de maio de 2016 lançaram uma versão em espanhol da música Às Vezes intitulada A Veces com a participação de Andrés Ceballos.

A 28 de maio de 2016 atuaram num dos maiores festivais portugueses, no Rock in Rio, com a participação de Gabriel o Pensador como convidado especial para uma plateia perto dos 85 mil espectadores.

Em Junho de 2015, participaram no projeto solidário Passa a Outro e Não ao Mesmo da Rádio Comercial onde compuseram e gravaram uma música em apenas 24 horas para um álbum solidário chama-da Sinto.
A 14 de Julho de 2016 atuaram no festival MEO Marés Vivas para cerca de 25 mil pessoas.

Em Setembro de 2016 foram nomeados novamente na categoria de Best Portuguese Act nos MTV Europe Music Awards, tendo perdido para David Carreira.

A 21 de Outubro atuaram no MEO Arena em Lisboa, “a maior sala do país”, com casa cheia.

O álbum está em 19º lugar dos álbuns mais vendidos de sempre a nível nacional.

Lado a Lado (2017 – presente)
A 12 de setembro de 2016, a rádio Mega Hits estreou o single Era Eu, anunciando que será a primeira amostra do novo álbum da banda com lançamento previsto para 2017. O nome do álbum, Lado a Lado foi revelado a 3 de outubro de 2017 no instagram oficial da banda. O álbum tem lançamento previsto para 25 de novembro, tendo sido lançado duas semanas antes nas plataformas digitais.

Em 2017, o concerto no MEO Marés Vivas 2016 foi vencedor da melhor performance ao vivo – portuguesa ou espanhola nos Iberian Festival Awards 2017.

Em Janeiro de 2017 começaram a tour Era Uma Vez, no Centro Cultural Olga Cadaval em Sintra.

Em Abril de 2017 criam o projeto Acorda o Sonho, uma bolsa de talentos com o objectivo de dar apoio financeiro, revertendo parte das receitas ganhas, e estratégico a portugueses talentosos.

A 8 de Abril atuam pela primeira vez no Coliseu do Porto.

Em Abril de 2017, Mia Rose lança o segundo single do seu primeiro álbum de estúdio, Sussuro, com a participação da banda.

A 21 de Abril lançam a música Não Dá em espanhol, intitulada No Más. A promoção da música da banda em Espanha.

A 18 de Maio lançaram dois singles, Pensa Bem (com ProfJam) e Não Comeces.

A 23 de Outubro lançaram o single Oquelávai.

O concerto de apresentação do álbum, que seria realizado a 25 de novembro no Campo Pequeno, foi adiado para 9 de fevereiro de 2018 devia a “atraso na gravação e consequente edição do do álbum e por toda a complexidade técnica do espetáculo”.

(in Wikipédia 2017)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *